Com: Luis Correia Carmelo, Sandra Celas, Lucinda Loureiro, Carlos Quintas, Marta Lapa, Susana Sá, Paula Pais, Teresa Sobral, Heitor Lourenço, Margarida Barata, Sara Belo, Rui Lopes Graça, Diana de Castro Loureiro, Rodrigo Soares, Inês Gonçalves e Margarida Moreira
"O Monossílabo pessoal: elevado à condição de património imaterial que aqui é posto como ilha. Microcosmos e arquipélago de vidas- na lucidez do seu quase resumo e no desejado exorcismo do seu multivário drama. Resultado: um poema para os sentidos. Feito por vidas lacradas numa única palavra. A do monossílabo de cada um, que vê Uma Curta de Amor." 
- Luiz Pires dos Reys, acerca de Uma Curta de Amor de João Paulo Simões;








Margarida Moreira, Rui Lopes Graça e Paula Pais em Uma Curta de Amor.










Sara Belo, Carlos Quintas e Inês Gonçalves em Uma Curta de Amor.
Marta Lapa e Lucinda Loureiro em duas novas imagens oficiais do filme.








Susana Sá e Margarida Barata em mais duas imagens oficiais do filme.








Sandra Celas e Heitor Lourenço nas primeiras imagens oficiais do filme;












Susana Sá nos bastidores das filmagens de 
Uma Curta de Amor;
As circunstâncias presentes do nosso país ganham expressão em diversos rostos que, numa só palavra, nos dizem o que sentem da realidade que vivem - e, noutra única, ousam proferir uma mensagem de esperança.

Esta é a carta de amor do realizador João Paulo Simões a um Portugal que observa a uma certa distância geográfica (por ser radicado em Inglaterra) mas que lhe vive no coração e na alma.

Concebido com o intuito claro de inverter o estado de espírito das pessoas, “Uma Curta de Amor” será um filme que apresenta a identidade portuguesa para além de estatísticas politizadas ou percentagens europeias. Um projecto de cariz documental que pretende expressar com verdade e simplicidade, a recusa em nos deixarmos definir pelos outros.